sábado, 23 de agosto de 2014

COMO SERIA MARAVILHOSO SE NÃO HOUVESSE POBREZA NO MUNDO

Q

Moro num país tropical, abençoado por Deus e bonito por natureza. Aqui, tudo que se planta dá. Colhe-se o ano inteiro de Norte a Sul, de Leste a Oeste. Diante deste cenário, com tanta riqueza e fartura como é que pode haver tanta miséria, tantas pessoas  vivendo sob condições inumanas, crianças em lixões, em meio a ratos e urubus. 

A miséria tem sua origem em muitos fatores. A má distribuição de renda é uma delas. Os programas sociais criados pelos nosso governantes servem apenas para dar uma maquiagem ao problema. Sabemos muito bem que o estado de pobreza mantém as pessoas em constante dependência sendo assim facilmente manipuladas. Os investimentos para impulsionar o desenvolvimentos em regiões pobres são na maioria das vezes desviados. 

Tirando os casos de corrupção, os desvios de verbas e outras mazelas do nosso cenário político, creio que o mais grave de tudo, não é a pobreza em si mais sim, ser criado e condicionado a viver e a agir como pobre pelo resto da vida. Não há dignidade nenhuma em ser pobre e muito menos viver na miséria. Os bordões que costumamos ouvir como: sou pobre mas sou honesto, sou pobre mas sou feliz, sou pobre mas sou digno etc., tudo besteira. Tudo conversa mole daquele que aceitaram viver nestas condições e nada fazem para quebrar este modo errôneo de pensar.

A pobreza não é e jamais, será algo divino. Todo ser humano nasce rico. Sim, parece contraditório afirmar isso, vendo crianças nascerem embaixo de pontes e viadutos. Mas, esta verdade é uma lei universal pregada pelo maior mestre que já pisou esta terra, Jesus. Apesar de ter nascido em um estábulo, no meio de animais, está implícito o caráter simbólico da humildade em seu nascimento. Humildade e pobreza são duas coisas totalmente distintas assim como a água e o vinho. "Buscai primeiro o reino dos céus e suas verdades e o resto vos será acrescentado". Vós sois Deuses e se tiverem fé, farão obras maiores que a minhas, disse Jesus.

Quem defender a pobreza não deve estar no seu juízo normal. Acredito que o mal causado pela pobreza é infinitamente maior do que o causado pela riqueza. Quem defende a miséria, a pobreza, a escassez, esquece completamente que vive num universo, rico, próspero e abundante. A natureza é rica. Há fartura em tudo. Infelizmente, o homem, na sua santa ignorância, no desconhecimento total das leis divina que governam o mundo, deturpa tudo.

Dinheiro não compra amizade, dinheiro não compra amor, dinheiro não compra afeto,carinho etc. Óbvio que não. Qualquer imbecil sabe disso. Dinheiro traz conforto, prosperidade, qualidade de vida. Com dinheiro tem melhor saúde, melhor segurança, comida de qualidade. Com dinheiro é possível salvar muitas vidas. O dinheiro é uma energia. O dia que o ser humano assimilar essa verdade então, vamos parar de ouvir esse monte de besteira que falam sobre dinheiro.

Todos merecem viver com dignidade. Nenhuma criança merece passar fome, frio e sede. Todo pai de família deve ter condições de oferecer conforto e comodidade para seus filhos. 

Erradicar a pobreza deve ser uma bandeira de luta de cada cidadão consciente desse planeta. Não somos ratos e nem baratas para viver  na sujeira e no lixo. Somo filhos de Deus, feitos a sua imagem e e semelhança e verdadeiros herdeiros das riquezas universais.

Quebre esse ciclo de pensamentos de pobreza da sua vida. Comece a buscar meios de enriquecer. Distribua a prosperidade que chegar em  suas mãos. Torne esse mundo melhor para você, para seus dependentes e para seu próximo. Quem é rico tem sempre condição de ajudar. Já, quem é pobre, vive sempre precisando de ajuda. 






Nenhum comentário:

Postar um comentário